CLIQUE AQUI

A GASTRITE PIORA COM O JEJUM?




A gastrite (inflamação do estômago) pode ser causada desde agressão por alimentos danosos como stress, álcool, cigarro, gordura trans, açúcar, anti-inflamatórios





A fisiologia do estômago é a base do nosso sistema digestório, com uma complexa rede de células que produzem ácidos, enzimas, entre outros fatores envolvidos na digestão alimentar. Mas essa não é a única função desse órgão ácido, faz parte primordial no nosso sistema de defesa impedindo que junto da principal via de entrada alimentar também entre patógenos, por isso a alcalinização a longo prazo trás inúmeras consequências. 



A gastrite (inflamação do estômago), doença muito comum que gera dor abdominal, sintomas dispépticos, vômitos... tem origem multifatorial desde agressão direta por alimentos danosos como stress, álcool, cigarro, gordura trans, açúcar, anti-inflamatórios, e também pela própria síndrome de permeabilidade intestinal "leak gut syndrome" iniciada por uma vida não saudável, maus hábitos de saúde, glúten, e é ai que o jejum intermitente entra dentro de um arsenal terapêutico contra a gastrite, estimulando isso próprio corpo a "limpar" essas citocinas e regulando a "leak gut" dentro de uma mudança geral de vida. 


Lembre-se gastrites subsequentes é um sinal do seu corpo gritando que sua vida não vai bem, sua alimentação não vai bem, sua mente, seus hábitos. Começar pelo jejum é uma ótima maneira de transformar-se.


Texto: @vitorbeninca


Um comentário:

  1. Já tive uma, há uns anos e agora estava quase com outra, estou com os cobstantes avisos do meu organismo (náuseas, ardor) e quando me apercebo disso o chá adequado e a alimentação mais correcta entra em acção. Salada sem tempero, muita papaia, gengibre em tudo o que é chá e infusão... e lá volta tudo ao normal. Não custa muito ouvir os sinais do nosso corpo. E consequentemente não custa muito chutar estas "dores de cabeça" para canto.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.