COMER ENTRE AS REFEIÇÕES TE DÁ MAIS FOME!!! DIZ ESTUDO!!!

Qualquer ingestão de alimentos entre as refeições tradicionais, não tem base fisiológica







Fazer lanchinhos tem ligação direta com a obesidade, mas até à data, os estudos não demonstraram tal relação causal, provavelmente porque uma definição clara de lanches ainda é evasiva.


 O habitual, ou seja, qualquer ingestão entre as refeições tradicionais, não tem base fisiológica. NÃO FAZ SENTIDO!!!


 Portanto, desenvolvemos uma abordagem bio-comportamental para avaliar se os critérios objetivos para comer uma refeição e lanches podem ser determinados. 



Nossos principais achados foram que, independentemente do tempo de consumo ou da composição dos macronutrientes, os lanches exerciam um fraco efeito de saciedade.



OS RESULTADOS MOSTRARAM QUE, INDEPENDENTEMENTE DO TEMPO DE CONSUMO, O LANCHE NÃO ATRASOU SIGNIFICATIVAMENTE O PEDIDO DE JANTAR, NÃO REDUZIU A CLASSIFICAÇÃO DE FOME E NÃO REDUZIU A INGESTÃO DE ENERGIA NO JANTAR, LEVANDO A UMA MAIOR INGESTÃO DE ENERGIA TOTAL DURANTE TODA A SESSÃO.

ASSIM, A ENERGIA DO LANCHE NÃO TEVE EFEITO EM NENHUMA DIMENSÃO DE SACIEDADE: DURAÇÃO, PERCEPÇÃO OU CONSUMO. Biologicamente, o lanche apenas aumentou marginalmente a glicemia,(mais INSULINA) mas induziu um aumento da insulina durante as próximas 2 h e suprimiu drasticamente o aumento do FFA de ácidos graxos livres(ou seja, sua gordura não se move) observado na parte tardia do intervalo inter-refeição.


O conteúdo energético dos lanches nunca foi compensado na próxima refeição e levou consistentemente a um balanço energético positivo, em comparação com as condições sem lanche. 

Biologicamente, a secreção de insulina induzida por lanches suprimiu o aumento tardio da FFA plasmática, o que pode ter contribuído para a inibição da saciedade. 

OU SEJA, COMER MAIS VEZES NÃO TE DEIXA MAIS SACIADO!!








QUER APRENDER A FAZER JEJUM??? GUIA PARA INICIANTES - clique aqui

Traduzido e adaptado por Flávia Trajano


Criadora da Fan Page e administradora do grupo : JEJUM INTERMITENTE SEM MITOS

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.